Pages

5 de janeiro de 2008

Bom que dia mais ........

Ontem assistimos um filme lindo
De volta para terabítia, acho que vou assistir de novo........
Eu chorei da metade até o fim sonhei e chorei de novo, o vida.
Sem contar o tanto que já tinha me derramado com a novela " Duas caras", eu choro mesmo quando vejo alguém morrendo nem se for só de mentira ...... é um problema eu sei mais vou ser assim eternamente, acho que nunca vou matar ninguém na vida! isso deve ser bom não é?
Quero comer muito chocolate mais quando olho para a caixa me passa uma raiva, um enjoo, e logo vem a dor de cabeça, que nesta gravidez veio com força total.
Faz dois dias o Fe começou a pedir pits ( pizza), ontem eu comprei, ele comeu um pedaço e já não queria mais, acho que era um truque para tomar coca-cola rsrsrrsrs,.
Ele dorme comigo do lado, tenho simplesmente que ficar olhando ele dormir, e se não olho ele chora muitoooooooooooo, ontem ele tava deitado no meu colo, e sentiu o bb mexer, levantou e resmungou alguma coisa, me cutucou e deitou de novo, ele é lindo.
Fico impressinada com o sono do meu marido é uma coisa assim fora do normal, isso me irrita, hj ouvi não dele que é minha culpa, pois faço ele ficar acordado até tarde vendo filme comigo..... caralho se não posso nem ver filme com ele, no pouco tempo que ele tem pra mim vou fazer o que?
sabe é muito dificil não ter uma casa, sempre que penso nisso penso tb em como todos são muito bons para mim aqui, mais penso principalmente em como me irrito de não poder gritar a hora que eu quero, e de não poder cuidar do meu filho da maneira que eu acho certo, eu to furiosa comigo mesma por ser essa inutil emprestavel que não consegue se virar sozinha porque é doente demais, sempre fui doente demais, mais não era tão mole quanto sou hj, quando meu cardio falava vc não pode jogar eu dava risada e na primeira oportunidade pegava minha bola e sumia, desmaiava as vezes, quase sempre no meio da quadra, minha mãe nem ficava sabendo, ia para o hospital, tomava um pouco de oxigênio e pronto tava nova ...... é eu era assim, não uma rocha mais alguém com mais vontade de viver intensamente todos os minutos, hj .... humf, sou uma tapada, gorda, que morre de calor até no frio, porque não tem uma parte do corpo que não tenha gordura, eu sei eu procurei eu entendo isso e não me sinto nem um pouco orgulhosa, podia até ser magra demais antes mais era muito mais feliz que hj, pelo menos eu sabia que as pessoas olhavam para mim e olhavam de outra forma, com olhos bem diferentes do de hj, eu era magra pesava 48 a 50 k, mais eu me amava, eu me adorava, me achava linda, sentia orgulho de mim.
E o que eu virei? uma gorda inutil e doente.
Sou mãe sim de um menino maravilhoso, lindo esperto, eu dou a minha vida por ele, como quase dei mesmo ..... mais só isso não me completa, não adianta viver pelos outros, viver apenas para cuidar dele, e dele... eu quero viver por mim tb mais não consigo, é muita cobrança, é muita vergonha de sair na rua e ser olhada nesse estado deploravel, eu odeio ser gorda, eu basicamente me odeio, me acho feia, ridicula, nojenta até.
sim tenho nojo de ser gorda.
e isso é mais que um desabafo, é uma vontade imensa de fazer nenhuma bobagem mais que parece mais forte que eu, e ninguém consegue me fazer mudar de opinião, ninguém.
desculpem mais não cola a idéia de que estou melhor agora, porque eu sei que não estou.eu me amava como era. eu odeio o que sou.

4 comentários:

lulu disse...

oooo, q dó do fê... hehehehe
e é isso aí, aproveita bem o pouco tempo q vc tem com ken. nada mais justo, né?
as coisas vão melhorar, viu? daqui a uns meses vc vai estar tão ocupada com o bebê que nem vai ter tempo pra pensar nessas coisas aí que vc escreveu. e além disso, vai estar radiante de tanta felicidade.
bjos

flores na janela disse...

será?

Samantha disse...

Ai Pam...

Eu não sei o q dizer.
Força amiga

menina dos cabelos amarelos disse...

pam, você sabe que eu gosto muito de você, mas não concordo com metade das coisas que você escreveu, florzinha. não acho que é por aí, por mais difíceis que as coisas sejam. nós todos *sempre* temos escolhas na vida e o que somos é resultado do que decidimos pra nós, das escolhas que fazemos. enfim, tô aqui se quiser conversar. beijos pra você e beijoquinhas no Fê!